5 razões para a Renault Alaskan ser lançada aqui

on
Categories: Notícias, Últimos Lançamentos
Divulgação/Renault

Recentemente, sites de notícias divulgaram fotos da Renault Alaskan no Brasil, picape que supostamente seria lançada no Brasil. Apresentada aqui no Salão do Automóvel de São Paulo em 2018, inicialmente a marca disse que era apenas um “teste” mas que não tinha intenção de vender a utilitária aqui. Mas isso já mudou. Confira:

Confira aqui cinco motivos para o lançamento da Alaskan acontecer aqui no Brasil:

  • O CEO da Renault Argentina, Pablo Sibilla, confirmou a fabricação da Alaskan  na unidade de Córdoba, na Argentina. Na mesma planta é fabricada a Nissan Frontier que empresta à Alaskan o chassi, o motor 2.3 turbo de 190cv e até mesmo painel e outros detalhes. A Nissan é comercializadas aqui no Brasil então não haveria razão para a Alaskan ficar restrita ao território argentino;
  • A fábrica Argentina tem ociosidade a ser preenchida. Segundo a Renault a capacidade inicial da linha de produção é para 40.000 unidades da Alaskan por ano abastecendo a Argentina e o Brasil e talvez outros países da América do Sul. Vale lembrar que o espaço disponível se deve ao cancelamento da produção a Mercedes-Benz Classe X. A Alaskan vendida na América Central é fabricada no México e as versões vendidas na Europa são feitas na Espanha;
  • A Renault tem muito mais presença de marca do que a própria Nissan. Hoje a marca francesa tem subcompactos como o Kwid, compactos como o Sandero e Logan, uma pick-up compacta (Duster Oroch) e dois SUVs: Duster e Captur além da van Master. Uma utilitária cairia muito bem nesse portfolio;
  • Com o lançamento da Alaskan a Renault teria uma linha mais completa de utilitários. Olhando para o portfólio da Frontier há opções como a pick-up que tem motor 2.3 de 160cv e câmbio manual além da versão com 190cv e câmbio automático de sete velocidades e tração 4×4. Assim teríamos a Oroch, Alaskan 4×2 em versão voltada ao trabalho e a versão mais completa 4×4;
  • A Renault costuma ter preço competitivo em seus produtos o que a colocaria em uma linha de frente diante das concorrentes. Imagine uma pick-up com conjunto mecânico robusto já conhecido custando de 10 a 15% menos que suas concorrentes com o mesmo nível de equipamentos?
  • Quando? A Renault afirmou que a Alaskan começa a ser produzida até o final do ano mas imagens vazadas mostram que ela já está sendo fabricada em Cordoba. Lançada no país vizinho até o final do ano podemos ter uma chegada simultânea ao Brasil ou, no máximo, no primeiro trimestre de 2021.

Fonte: Autoshow